A Importância do Manual de Normas Gráficas para a sua Marca

A imagem da sua Marca é de extrema relevância, pois será o primeiro impacto dos seus potenciais clientes.

Desta forma, para manter uma imagem coerente e consistente na comunicação, é criado um manual contendo todas as normas, recomendações e especificações essenciais para a sua utilização. Este tem o objetivo de preservar as  propriedades visuais e facilitar a correta propagação, perceção, identificação e memorização da marca, bem como apresentar a sua missão, visão e valores.

Assim, o manual de normas gráficas deve explicar:

  • A lógica da construção da identidade visual e de outros símbolos construídos, bem como as relações entre os diferentes elementos;
  • Quais as proporções e variações entre os diferentes elementos visuais e quais as dimensões mínimas de forma a manter a legibilidade;

Regulamentar a aplicação da marca em diferentes condições de impressão e distribuição em formatos multimédia, estabelecendo as dimensões mínimas para preservar a legibilidade;

  • Qual o ambiente cromático que define a paleta de cores/pantones estabelecida para os elementos visuais, onde inclui o estudo do comportamento destes elementos sobre fundos de cor, em aplicações a preto e branco e sobre imagens;

  • Qual a fonte ou família tipográfica que define os tipos de letra a utilizar nos diferentes suportes de comunicação de forma a garantir a uniformidade da comunicação institucional;

Um Manual de Identidade Visual pode ser mais ou menos extenso em função da complexidade do contexto onde a marca a que se refere terá de funcionar e contemplará ainda grafismos associados, tais como, estacionário, peças de comunicação publicitária, brindes, entre outros.

A sua utilização deve ser rigorosa e abranger todos os colaboradores de forma a garantir a existência de coerência, consistência, credibilidade e afirmação da organização no mercado.

Imagens retiradas do Manual de Normas Gráficas da CTT,  para uma vista mais aprofundada consulte:

Kitnormas_CTT.pdf